logotipo do aplicativo app gratis
Nenhum Comentário
iPad

App Store baniu o aplicativo App Gratis

A App Store proibiu aplicativos que usassem notificações para propósitos de marketing e aqueles que simplesmente promovem outras apps. A última a ser expulsa, por quebrar estas regras, foi a AppGratis. Durante o fim-de-semana, a AppGratis foi removida da App Store. A razão: duas regras quebradas, incluindo uma que proíbe promoção de outros aplicativos e outra que proíbe o uso de notificações para fins comerciais. É a segunda vez em seis meses que uma app popular como esta foi removida. A AppGratis é uma delas e com certeza que não será a última a ser banida.

A AppGratis entrou em conflito com esta regra do guia iOS, conhecida como a linha 2.25: ” Apps que possuam outros aplicativos sem ser o seu para compra ou promoção serão rejeitadas da App Store.” A AppGratis de fato, é bastante similar com a App Store: recomenda apps aos seus usuários. Também oferece alguns aplicativos que estão gratuitos durante um curto prazo de tempo ou oferece descontos. A segunda regra violada diz respeito à linha 5.6: “Aplicativos não podem utilizar notificações para avisar promoções ou para fazer marketing direto de algum gênero.” AppGratis usa notificações para avisar os usuários quando uma app esteja em promoção e pronta para fazer o download.

Nota: se quiser baixar o aplicativo AppGrátis ainda poderá fazê-lo clicando aqui.

app gratis foi removida da app store

É verdade que a App Store está repleta de aplicativos similares que promovem outras apps para potenciais downloads, mas parece que a Apple está a continuar a forçar a saída destes aplicativos. Em outubro de 2012, quando outra app popular servia para encontrar aplicativos iOS, a App Shopper foi banida da Store (e ainda não voltou). A Apple não comentou a razão na altura, mas agora a App Store diz que os usuários não são tão incentivados a pagar por um aplicativo, isto incentiva os downloads gratuitos e acaba por alterar os rankings e os gráficos. Parece que a linha de violação da App Shopper  (2.25) foi também um problema. Ironicamente, uma das pessoas que defendeu as ações da Apple na altura, foi o desenvolvedor de aplicativos e CEO da AppGratis, Simon Dawlat. Ele disse que a razão da remoção da App Shopper, foi simplesmente para eliminar algumas apps de baixa qualidade.

“Na minha opinião a Apple está a apostar na melhor qualidade possível, como sempre,” disse Dawlat. “Desde a criação de empresas como a AppGratis, em Dezembro de 2008, muitas outras imitações de baixa qualidade começaram a aparecer na App Store, a tentar ganhar algum dinheiro rápido de aplicativos de conteúdo mal projetado. Com a cláusula 2.25, a Apple está a tentar, provavelmente, prevenir que a App Store fique repleta de spams e com muitas apps a promover apps. Mas, para nós, sempre teve a haver com a qualidade e apuração de aplicativos a um nível alto”, finalizou.

app shopper foi removida da app store

Na mesma entrevista, ele falou de como a AppGratis era diferente das outras apps como a App Shopper, porque a sua empresa estava a acrescentar “valores significativos” para a App Store, promovendo aplicativos e por enviar 100 milhões de usuários para a App Store, todos os anos.

Parece-nos agora que a fiscalização da App Store, apenas não tinha chegado ainda à AppGratis. Os revisores da Apple não são conhecidos por terem ações imediatas e consistentes, por causa dos inúmeros aplicativos que eles têm de ver. Porém aplicativos como a App Shopper, AppGratis e a Free App of the Day, já foram removidos.

É fácil de perceber porque é que a Apple não quer concorrentes no mundo de marketing de aplicativos, também não quer com certeza que empresas como a AppGratis lucre com o que não são os ideais da App Store. Uma das razões que aplicativos como a AppGratis apareceu e continuou a prosperar, é o fato deles pomoverem os desenvolvedores que não estão a ser notados num mercado tão vasto, com 800,000 aplicativos. De muitas maneiras, este tipo de promotores de aplicativos estão a ajudar a Apple, mas também poderão estar a confundir usuários.

A conclusão é que outros aplicativos que utilizam o uso de notificações para o marketing, e aqueles que simplesmente promovem outros aplicativos provavelmente vão estar a receber uma boa revisão de revisores da Apple em breve.

Outras sugestões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *