Nenhum Comentário
Windows Phone

Fim do Windows Phone pode estar próximo após demissão em massa

Dois anos após a aquisição da Nokia pela Microsoft, a negociação pode não ter tomado um bom rumo assim como um possível fim do Windows Phone. A empresa anunciou hoje que está cortando 1.850 vagas de sua área mobile com o objetivo de simplificar sua linha, o que gerou quase 1 bilhão em multas trabalhistas para a empresa.

O CEO da companhia Satya Nadella declarou que “estamos focando nossos esforços na área de telefonia onde fazemos a diferença – com empresas que valorizam segurança, gerenciabilidade e nossa capacidade constante, além de consumidores que também valorizam esses ideais.”. Recentemente, foi revelado que o Windows Phone conta com apenas 1% de participação no mercado mobile.

Veja também: 17 aplicativos de mensagens para o Windows Phone

No entanto, o executivo à frente da área mobile Terry Myerson declarou, em memorando interno aos funcionários da divisão, que o fim do Windows Phone ainda não acontecerá. “Nós estamos recuando, não fora”, diz Myerson. No entanto, ele não revelou detalhes sobre a decisão dos cortes, que acontecerão até o final desse ano.

Recentemente, a Microsoft vendeu os direitos de utilização do nome Nokia para a Foxconn, que lançará linhas de celulares Android com a marca. Atualmente, as apostas estão no Surface Phone, embora não se tenha muita esperança que ele venha a alavancar a empresa nessa área.

Veja também: 11 dicas e truques para usar no Windows Phone

Fim do Windows Phone

Fonte: 9to5Mac

Outras sugestões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *