Google lança o Helpouts e promete juntar vários especialistas
5 de novembro de 2013
2 Comentários
Google lança o Helpouts e promete juntar vários especialistas
Google lança o Helpouts e promete juntar vários especialistas

Google lança o Helpouts e promete juntar vários especialistas

2 Comentários

O Google está a encontrar uma forma de rentabilizar a utilização das suas transmissões e um passo determinante parece ter sido dado ontem com o lançamento do Helpouts. Antigamente em fase de teste, o Helpouts abriu agora ao público e promete juntar vários profissionais que vão ajudar as pessoas a retirarem dúvidas sobre inúmeros temas como saúde, tecnologia ou educação.

Desta forma, o Google quer permitir que qualquer possa desenvolver qualquer talento ou resolver um problema em poucos segundos, pagando apenas um valor mínimo. O objetivo é ajudar as pessoas no que elas precisam e principalmente, quando eles precisarem. Uma das principais diferenças relativamente ao Youtube e o Helpouts, segundo Udi Manber , vice-presidente de Engenharia do Google, é que os usuários poderão “esclarecer uma dúvida específica”, além de poderem ter “um contato mais direto com o instrutor”.

Pondere ler: Escritora utiliza Youtube para despedir-se do seu emprego

Google Helpout

O custo dessa mesma ajuda é definido pelo professor, sendo que o Google ficará com 20% de toda a transação e o vaor apenas poderá ser pago pelo Google Wallet (por enquanto). O Google garante, ainda, que existe satisfação garantida visto que o comprador pode reclamar a sua compra. Além disso, todos os professores terão reviews dos próprios alunos, algo semelhante ao que acontece com o Airbnb atualmente. Para utilizarem o Helpouts é necessários que os utilizadores tenham no mínimo 13 anos. Já a idade mínima dos professores é de 18 anos.

O Google Helpouts está disponível para a web clicando aqui e para o Android 4.0.4. ou posterior.

Seções:
Junte-se a nós na nossa área de membros!
Faça login ou registre-se e receba as novidades em primeira mão.
Guarde artigos para ler mais tarde ou acesse aos seus favoritos.

Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

2 Comentários

Voltar ao topo