Swing Copters

Swing Copters

01234
9 de setembro de 2014
Nenhum Comentário

Há alguns meses atrás, um fenômeno tomou de assalto smartphones espalhados pelo mundo inteiro, em um nível parecido ao alcançado pela série Angry Birds. Esta, inclusive,  se espalhou por diversas versões como Angry Birds Star Wars e Angry Birds Rio. Estamos falando de Flappy Bird, criado pelo vietnamita Dong Nguyen que chegou a tirar o jogo do ar por conta do assédio recebido.

Depois de toda a polêmica, o criador de Flappy Bird apresenta sua nova obra: Swing Copter. Trocando o saltitante peixe por um pequeno ser munido de um helicóptero na cabeça, o título é muito semelhante ao seu antecessor espiritual. Seu grande feito é conseguir ser ainda mais difícil e frustrante, de maneira parecida ao aparentemente simples Paper Toss.

O mesmo desenho, mas sem plágio

Quem acompanhou o “caso Flappy Bird” sabe que um dos fatores que gerou polêmica foi a semelhança de seus elementos com os da franquia mais famosa da Nintendo, Super Mario. Embora o desenvolvedor jure de pés juntos que não copiou a gigante nipônica, fica difícil de acreditar ao ver aqueles icônicos canos verdes.

Swing Copters

Em Swing Copter, no entanto, tal polêmica não acontecerá, apesar de usar o mesmo estilo visto no título anterior. O cenário continua sem muitas alterações, contando com uma cor e formas geométricas que se assemelham a nuvens como fundo. Ocasionalmente o plano de fundo muda de cor, mas não será nada que conseguirá chamar sua atenção.

Flappy Bird vertical

É difícil não se lembrar de Flappy Bird ao falar de Swing Copter. Como se não bastasse todas as polêmicas e repercussão na mídia, o novo título de Dong Nguyen por pouco não é uma cópia de seu próprio jogo. Uma delas é a progressão vertical substituindo a horizontal. Ao invés de quicar pelo cenário, seu helicóptero irá voar automaticamente, mudando de direção a cada toque. O que torna esse título ainda mais difícil são seus obstáculos: dois martelos que ficam balançando entre as plataformas.

Swing Copters

 

Conclusão/Opinião

Após as inevitáveis comparações, ficamos impressionados com a capacidade de algo ainda mais excruciante e dolorosamente difícil do que Flappy Bird. O outro ponto que também causa surpresa é que a fórmula foi mantida e, mesmo sofrendo, não conseguimos largar o celular enquanto não conseguimos passar pelo menos um obstáculo, o que conseguimos depois de umas trinta tentativas. Nosso recorde: dois obstáculos superados.

Por fim, Dong Nguyen consegue com Swing Copter evitar um possível processo  por direitos autorais e replicar a fórmula que tornou Flappy Bird um fenômeno. Agora, a grande pergunta é: será que o gênero criado pelo desenvolvedor ainda está na moda, ou Swing Copter está fadado ao anonimato?

Swing Copters
01234 Total de 23 votos.
Design
Facilidade
Usabilidade
Versatilidade
Preço
Junte-se a nós na nossa área de membros!
Faça login ou registre-se e receba as novidades em primeira mão.
Guarde artigos para ler mais tarde ou acesse aos seus favoritos.

Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

Voltar ao topo