15 melhores alternativas ao Netflix para assistir filmes e séries
11 Comentários
15 melhores alternativas ao Netflix para assistir filmes e séries
15 melhores alternativas ao Netflix para assistir filmes e séries

15 melhores alternativas ao Netflix para assistir filmes e séries

11 Comentários

Apesar de pioneiro em sua área, há muito tempo que o Netflix não é o único a oferecer serviço de streaming para exibição de filmes, séries e animações. Caso não esteja interessado nas séries e filmes originais da marca ou ache o valor de sua assinatura muito cara, poderá conferir nossa lista com as 15 melhores alternativas ao Netflix, com serviços gratuitos e pagos com as mais diferentes proposta. Veja abaixo e comece a testar os serviços!

Dica: Sabia que já é possível assistir Netflix offline no PC? Aprenda como em nosso tutorial!

Leia também: Netflix para Android: Como consertar erro de downloads excessivos

1. Crunchyroll

Com um sistema semelhante ao Netflix, o Crunchyroll se diferencia por ser especializado em séries asiáticas, em especial as animações japonesas e dramas coreanos, entre outros. O serviço permite teste gratuito de 14 dias e conta com temporadas completas de séries famosas como One Piece e Attack on Titan, além de trazer lançamentos de episódios simultaneamente com o Japão, como acontece com o popular Dragon Ball Super. Clique no link para conhecer o Crunchyroll.

alternativas-ao-netflix-crunchyroll

2. Crackle

O serviço de streaming exclusivo da Sony, o Crackle conta com um acervo de filmes e séries disponível gratuitamente, bastando que acesse o site e crie seu cadastro para começar a assistir. O serviço também conta com opção de assinatura paga com privilégios como acesso a dois conteúdos simultaneamente e remoção de comerciais.

Em seu acervo, temos filmes clássicos como Homem-Aranha 2 e séries originais como Preacher. Acesse o link para conhecer mais sobre o Crackle.

3. Hulu

Entre as principais alternativas ao Netflix, o Hulu é uma das que mais representa uma ameaça, sendo uma forte concorrente em solo americano. Sua estrutura funciona de forma semelhante, oferecendo um acervo de filmes e séries clássicas junto a conteúdo original e exclusivo. Por outro lado, o Hulu está a um passo adiante, já que também oferece um plano com direito à TV ao vivo chamado Hulu Plus. Conheça mais do Hulu clicando no link.


alternativas-ao-netflix-hulu

4. Amazon Prime Video

Outra gigante que oferece concorrência à Netflix, a Amazon Prime Video aderiu ao serviço de streaming seguindo o mesmo modelo da rival. Isso significa que, em relação a concorrente, a grande diferença fica por conta da variedade de seu acervo de filmes, séries, animações e produções originais. O valor de assinatura mais barato acaba por ser a maior vantagem do serviço. Clique no link para saber mais do Amazon Prime Video.

5. Youtube

Apesar de não ser um serviço de streaming, o Youtube pode ser considerado como uma das melhores (e grátis!) alternativas ao Netflix. A plataforma vai além dos vlogs e tutoriais, contando com uma ampla gama de conteúdos – como documentários e webséries – disponíveis sem a necessidade de pagar um real por eles.

Nos Estados Unidos, já existe o Youtube Red, que permite assistir a essas séries sem visualizar anúncios, além de também trazer produções originais. É possível que o serviço chegue em breve ao Brasil, mas ainda não há uma data estipulada para seu lançamento por aqui.

6. Google Play Filmes

Apesar de não ser uma plataforma de streaming, o Google Play Filmes pode ser considerada uma das alternativas ao Netflix, já que também conta com um acervo de cinema para assistir em seu computador ou dispositivo Android. Diferente do modelo de assinatura, poderá alugar ou comprar sucessos do cinema como Rogue One: Uma História Star Wars e A Bela e a Fera.

alternativas-ao-netflix-googleplay

No modelo de aluguel, você paga um valor para assistir ao filme apenas um vez, enquanto a compra o permite repetir o quanto quiser. Confira o acervo atual do Google Play Filmes na loja virtual do Android.

7. iTunes

Assim como a loja digital do Google conta com um acervo de filmes para assistir em seu Android, o mesmo pode ser dito do iTunes para o iPhone, iPad e computadores Mac. Seu funcionamento é semelhante ao do concorrente da Google, usando um modelo de “locadora digital” ao invés de um serviço de assinatura. Clique no link para conferir o acervo de filmes do iTunes.

8. Acorn.tv

Voltando às alternativas ao Netflix que também utilizam o modelo de assinatura e exibição via streaming, o Acorn.tv é dedicado aos fãs de séries e filmes produzidos na Inglaterra. Apesar de ser necessário um cartão de crédito internacional, o serviço é um dos mais baratos na rede, custando apenas cinco dólares mensais. Conheça o Acorn.TV acessando o link.

9. Sling TV

Enquanto o Netflix conta com exibição de filmes e séries gravados, o Sling TV faz exatamente o contrário: toda sua programação é ao vivo, incluindo também canais normalmente vistos na televisão, como a HBO. Ou seja, com ele, poderá assistir ao seu canal favorito mesmo que não esteja em sua sala de estar ou em casa. Conheça mais sobre o funcionamento do serviço acessando o site do Sling TV.

alternativas-ao-netflix-slingtv

Dica: O Sling TV não está disponível no Brasil, sendo necessário possuir cartão de crédito internacional e utilização de um VPN para acessá-lo. Entre os navegadores web, recomendamos que use o VPN nativo do Opera. Confira as funcionalidades do navegador nesse texto.

10. Viki

Enquanto o Crunchyroll é um serviço de streaming para animações japonesas e conte com uma sessão dedicada às novelas e dramas coreanos, o Viki faz exatamente o inverso: possui bastante foco nas produções dramáticas orientais. O serviço conta com um acervo de obras chinesas, coreanas, japonesas e de diversos outros países. Se é fã dessas novelas ou está curioso para saber como se desenrolam suas narrativas, acesse o link para conhecer mais sobre o Viki e as obras disponíveis.

11. Mubi.com

Enquanto a maioria das alternativas ao Netflix procuram concorrer diretamente com o serviço, alguns como o Mubi.com procuram apenas atender a algum nicho específico. No caso dele, o serviço fornece um acervo de filmes clássicos e independentes, que normalmente fogem dos blockbusters do cinema. O Mubi custa $6 mensais e pode conferir os filmes disponíveis através do link.

12. PopcornFlix

O PopcornFlix possui proposta semelhante a do Mubi, servindo mais à produtoras de filmes independentes do que reproduzindo filmes clássicos bastante conhecidos. Sua grande vantagem em relação ao anterior é que ele disponibiliza seu acervo gratuitamente, exigindo apenas um cadastro. Clique no link para conhecer o PopcornFlix.

alternativas-ao-netflix-slingtv

13. Vudu

Outro serviço criado por uma gigante, o Vudu é propriedade do Walmart, contando com algumas funcionalidades únicas. Assim como o Sling.TV, o serviço está disponível apenas no EUA, exigindo uso de VPN para tentar o acesso. O Vudu trabalha com compra e aluguel de filmes e séries, contando com uma funcionalidade chamada UltraViolet, que permite incluir filmes comprados nas lojas americanas do Walmart ao seu acervo digital. Conheça mais do Vudu no link.

14. Looke

Uma das alternativas ao Netflix criada no Brasil, o Looke é uma plataforma de streaming para filmes e séries que não se limita apenas ao serviço de assinatura. Além do acesso completo ao acervo, poderá alugar ou comprar individualmente os filmes e séries de seu catálogo, que recebe novas adições com regularidade.

A assinatura do Looke custa de R$ 16,90 a R$ 25,90 e conta com lançamentos como Logan, Power Rangers e John Wick – Um Novo Dia para Matar, que podem ser alugados por R$ 9,99. Clique no link para saber mais sobre o serviço.

alternativas-ao-netflix-looke

15. HBO Go

Canal de streaming exclusivo dos canais HBO, o HBO Go permite aos fãs da emissora acompanhar os episódios de seus seriados e programas em seus dispositivos móveis, consoles de videogame ou computadores, entre outros. Títulos como Game of Thrones, Last Week Tonight with Jamie Oliver e Silicon Valley são algumas das atrações que poderá acompanhar, sem a necessidade de ligar sua TV em um horário certo. Confira mais do HBO Go no link.

Veja também:

Quais destas alternativas ao Netflix pareceu a mais atraente para você?

Após nossas recomendações, agora chegou a sua vez: quais das alternativas ao Netflix acredita ser a mais indicada? Gostaria de sugerir alguma outra que ficou de fora? Comente conosco!


Seções:



Junte-se a nós na nossa área de membros!
Faça login ou registre-se e receba as novidades em primeira mão.
Guarde artigos para ler mais tarde ou acesse aos seus favoritos.

Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

11 Comentários

  1. Aroldo viecili 26 de março de 2018 11:10

    Que podre esse filme o.mecanismo. péssimo

    • José Neto 26 de março de 2018 14:31

      cara, o mecanismo é uma serie, suspeito que o senhor nem assistiu antes de fazer esse comentario

    • Fabio 27 de março de 2018 0:16

      Nem precisa assistir. Pelos comentários e pelos boatos que engendra é LIXO. Tô fora!

  2. AB 26 de março de 2018 15:14

    Faltou o Snag Films http://www.snagfilms.com

  3. Renata 27 de março de 2018 1:15

    Essa série O Mecanismos é pura alugação. Uma afronta a inteligência!

    • Jafé Rezende 30 de março de 2018 17:20

      Petralha detected!

  4. alexandra 27 de março de 2018 9:39

    Mas como brasileiros sao todos levados no bico,muitos alienados,assistem e veem verdade nisso.

  5. Rafael 27 de março de 2018 19:07

    Na próxima temporada é bem capaz de dizerem que a PF encontrou um helicóptero cheio de cocaína no sitio de Atibaia e que é do Lula a frase “TEM QUE SER ALGUÉM QUE A GENTE POSSA MATAR”

  6. Codinome beija-flor 28 de março de 2018 9:49

    Uma produção desonesta e anti-ética. Não é ficção, é tentativa de manipulação do senso comum. Padilha é mais um que se vende aos podres poderes desse Brasil que temos hoje. Seu lixo de produção, patrocinado por magnatas corruptos, se presta a atender interesses espúrios da quadrilha que tomou de assalto o poder no golpe de 2016.

  7. Roberto F Sousa 2 de abril de 2018 5:39

    Com toda a sinceridade, por se tratar de uma produção da própria Netflix, ela deveria se retratar de alguma forma em relação a esse escorregão. Pouco provável que faça, pois,mao que parece, faz parte da turma.

  8. Roberto F Sousa 2 de abril de 2018 5:40

    Com toda a sinceridade, por se tratar de uma produção da própria Netflix, ela deveria se retratar de alguma forma em relação a esse escorregão. Pouco provável que faça, pois ao que parece, faz parte da turma.

Voltar ao topo