7 motivos para não comprar o Galaxy S8
26 de abril de 2017
5 Comentários
7 motivos para não comprar o Galaxy S8
7 motivos para não comprar o Galaxy S8

7 motivos para não comprar o Galaxy S8

5 Comentários

Agora que o Galaxy S8 finalmente está sendo vendido oficialmente, já dá para ter uma noção melhor do que o dispositivo oferece de bom e de negativo. Apesar deste ser um excelente smartphone, ele está bem longe de ser perfeitos e você deve considerar alguns problemas antes de gastar um bom dinheiro para adquiri-lo. Se estiver com dúvidas e quiser saber saber os principais motivos para não comprar o Galaxy S8, basta conferir a nossa lista detalhada logo abaixo!

Leia também: 8 maneiras de identificar um Galaxy S8 falso

1. Traseira de vidro

samsung galaxy s8

Sabemos muito bem que o Galaxy S8 é definitivamente um dos aparelhos mais bonitos que já chegaram ao mercado mobile, mas isso também traz algumas desvantagens.

Um bom exemplo disso é a sua parte traseira, que é feita totalmente de vidro. Apesar disso trazer um visual premium ao celular, isso também faz com ele seja suscetível a arranhões, riscos e as temíveis rachaduras em quedas.

2. Bateria não removível

Por muito tempo, os smartphones da Samsung contavam com baterias removíveis. Isso tornava o conserto de componentes internos e a possível substituição da bateria muito fáceis, dando uma boa vantagem em relação ao iPhone, por exemplo.

O problema é que este não é mais o caso do Galaxy S8, já que o painel de vidro é grudado por um adesivo muito forte e a bateria não pode ser removível de maneira simples. Isso torna o conserto do aparelho bem mais complicado que o necessário, só trazendo mais dor de cabeça aos seus usuários.

Além disso, é importante lembrar que com o passar do tempo é natural que a bateria de seu smartphone acabe perdendo desempenho ou mesmo torne-se praticamente inutilizável, portanto, não ser capaz de removê-la de forma prática automaticamente limita o tempo de vida de seu smartphone de uma forma mais direta.

3. Sem escolha de armazenamento

Uma das escolhas mais estranhas que a Samsung tomou com o Galaxy S8 foi optar por oferecer apenas uma versão de 64 GB de armazenamento tanto no modelo normal como no S8+.

A maioria dos smartphones modernos oferece pelo menos duas ou três opções diferentes de armazenamento, o que também conta no preço final dos dispositivos. Tudo bem que há entrada para cartões micro SD, mas não dar opção ao consumidor ainda é bem negativo.

4. Preço

galaxy s8

Exatamente pelo fato de oferecer apenas a versão de 64 GB, o preço do Galaxy S8 é único: R$ 3.999 no modelo normal (US$ 720 no preço original) e R$ 4.399 no modelo S8+ (US$ 840 no preço original).

Este é um custo inicial bem alto para quem somente queria a nova versão do Galaxy, ainda mais quando um iPhone 7 pode ser encontrado por um preço bem menor atualmente. Se achar um smartphone com preço muito abaixo dessa média, cuidado para não acabar adquirindo um Galaxy S8 falso. Aprenda como diferenciar em nosso guia com 8 maneiras de identificar um Galaxy S8 falso!

5. Mesma câmera do S7

Apesar de melhorado a câmera frontal para 8 megapixels (a do S7 era de 5 megapixels), a Samsung não se preocupou em fazer o mesmo com a parte traseira. A câmera principal ainda conta com 12 megapixels e tecnologia Dual Pixel, que consegue focar as imagens com mais facilidade e ainda permite mais entrada de luz.

Há poucas diferenças entre o S7 e o S8 em questão das fotos tiradas com esta câmera, o que é um pouco estranho considerando que todo o aparelho recebeu tantas melhorias. Esse é um dos pontos negativos mais impactantes na hora da decisão de compra, especialmente considerando o aumento da popularidade no uso das câmeras de smartphone, alavancado inclusive pelo uso frequênte de redes sociais como o próprio Instagram.

Hoje, ser capaz de tirar fotos e gravar vídeos de altíssima qualidade com o smartphone é um requisito mínimo para muitos usuários. Portanto, é curioso que a Samsung não tenha investido mais neste aspecto do Galaxy S8.

6. Assistente virtual inferior

Não há problema em querer criar um novo assistente virtual para competir com a Siri, Cortana e o Google Assistant, mas não há realmente muito sentido nisso. O pior é que o Bixby (assistente criado pela Samsung) não traz nada de novo e ainda tem a desvantagem de vir em um smartphone que já possui o Google Assistant nativamente.

Outro problema é o fato do reconhecimento de voz nem estar disponível nos Estados Unidos ainda, algo que obviamente só atrasa sua chegada em outros países.

7. Há opções de melhor custo benefício

galaxy s8 plus

Por fim, não dá para deixar de mencionar que simplesmente existem modelos com um custo benefício muito melhor. Mesmo o Mi 6 da Xiaomi, anunciado há pouco tempo, consegue oferecer configurações parecidas por um preço drasticamente menor.

Considerando o lançamento do Pixel 2 e do iPhone 7S ainda este ano, o melhor a se fazer é esperar para saber qual aparelho realmente vale a pena. Hoje, encontrará ainda melhores opções e mais atuais no mercado, portanto, considere-as antes de adquirir o seu Galaxy S8, afinal, poderá estar adquirinho um smartphone ainda mais robusto e potente por um preço semelhante!

Encontre também no AppTuts:

O que achou das dicas sobre o Galaxy S8?

Deu para aproveitar nossa lista para pensar melhor antes de comprar o Galaxy S8? Não esqueça de deixar seu comentário nos dizendo o que achou do smartphone.

Junte-se a nós na nossa área de membros!
Faça login ou registre-se e receba as novidades em primeira mão.
Guarde artigos para ler mais tarde ou acesse aos seus favoritos.

Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

5 Comentários

  1. Márcio Cambahuba 14 de maio de 2017 22:12

    Não gostei, não tem infra-vermelho.
    A fonte já tem um outro formato, o que faz o consumidor se sentir traído, ´pois a empresa passa a imagem que torna tudo obsoleto para novas vendas.

  2. Márcio Cambahuba 14 de maio de 2017 22:29

    Não tem infra-vermelho. Ou seja, ao invés de evoluir, fez regredir tirando opções que antes no s6 tinha.

    Mudou a também o formato da fonte, o que é desnecessário, somente para inutilizar os que você já tem e ter que comprar outros, em nada trazendo de vantagem.

    É uma política de uma empresa que não respeita seus clientes.

  3. Raimundo 30 de junho de 2017 15:29

    A galera pensa que só existe samsung e iPhone, pelo amor de Deus, samsung é muito ruim, tem Androids muito melhores pela metade do preço.
    Se a samsung estivesse preocupada já teriam sumido com o TouchWiz e instalariam o Android puro.
    Samsung são todas as vulnerabilidades do Android com todas as desvantagens da Apple, e, mais caro que os iPhone ainda…
    Quem manja de Android mesmo não compra Samsung, compra Nexus, HTC, Xiaomi…
    Viva a volta da Nokia.
    Lenovo também tem um assembly bem vagabundo, e depois de ter comprado a motorola não compraria um Motorola nem a pau…

    Antigamente, fanboy comprava Apple, hoje, compra Edge hahaha

  4. João Paulo Novais 14 de dezembro de 2017 10:15

    A muito tempo eu não via tanta besteira num mesmo post, Raimundo. Pega uma comparação de performance entre o S8 e qualquer outro das marcas que vc citou. É caro, claro que é, bem mais caro do que deveria ser, mas daí a dizer que “Samsung é muito ruim”, tá precisando ter um Samsung, amigo.

  5. Júlia Zuccolotto 14 de janeiro de 2018 22:33

    Eu tinha um Samsung s7 passei pro Samsung s8, não vi quase nenhuma melhoria, era melhor ter ficado com o s7.
    O bixby não serve pra nada e toda hora fica abrindo, bem unutil

Voltar ao topo