10 dicas para proteger sua rede de Wi-Fi
Um Comentário
10 dicas para proteger sua rede de Wi-Fi
10 dicas para proteger sua rede de Wi-Fi

10 dicas para proteger sua rede de Wi-Fi

Um Comentário

Hoje em dia, todo mundo gosta de tomar cuidado com sua privacidade e segurança na internet, mas é fácil de se descuidar de detalhes importante, como sua rede Wi-Fi. Muita gente nem imagina o dano que uma rede de internet wireless pode causar se ela estiver desprotegida, já que pode ser facilmente invadida e usada para conseguir seus dados, informações e arquivos pessoais. Por isso, é importante dar a devida atenção à sua conexão Wi-Fi logo de cara, como mostramos em nossas detalhadas dicas logo abaixo. Confira!

Leia também: 14 melhores aplicativos de antivírus para o Android

1. Mude o nome da sua rede

senha segura

Quando você compra um novo roteador, é natural que ele já venha com uma certa configuração inicial e um nome genérico dado pelo fabricante. Quando for realizar a primeira configuração do aparelho, sugerimos que você mude o nome da rede imediatamente.

Mudar o nome da rede pode dificultar uma invasão de outra pessoa, especialmente porque muitos roteadores levam os nomes de suas fabricantes ou modelos, algo que um hacker adoraria saber. Recomendamos que não use nomes que tenham a ver com sua vida pessoal ou família, já que qualquer um poderá ver o nome da sua rede se estiver perto suficiente do alcance de sinal do seu roteador.

2. Crie uma senha forte e segura

Pode parecer uma dica óbvia, mas a maioria das pessoas escolhe senhas simples ou bobas por serem mais fáceis de lembrar ou de digitar quando precisam adicionar a rede em um novo dispositivo. O problema é que isso torna sua rede muito vulnerável à ataques e invasões.

O melhor é que não use senhas como “12345”, “abcde” ou seu nome e aniversário. Dê preferência a uma mistura de letras, números e símbolos que faça sentido para você, mas que não possa ser adivinhado por qualquer pessoa. Pode dar trabalho no futuro, mas vale bastante a pena.

3. Use uma conexão criptografada

Antigamente, os roteadores vinham com uma configuração bem básica, especialmente em termos de segurança. Isso acontecia porque nem todos os dispositivos aceitavam conexões criptografadas, mas felizmente isso já mudou faz bastante tempo.


Agora é possível usar conexões “WPA” e “WPA2” (disponíveis na configuração inicial de qualquer roteador) facilmente e sem qualquer problema. É bem recomendável que você use uma delas para deixar sua rede Wi-Fi mais segura.

4. Desative a conexão quando não estiver em casa

Wi-Fi

Isso é algo que a maioria das pessoas não faz, mas é uma ótima maneira de ter certeza que sua conexão não será acessada por ninguém quando você não estiver em casa. Basta tirar o roteador da tomada e ligar quando voltar para casa. É um ação bem simples, mas eficaz e que pode proteger seu Wi-Fi de qualquer pessoa mal-intencionada.

5. Coloque o roteador em um lugar estratégico

Esta é uma sugestão que pode ajudar o sinal do seu Wi-Fi ficar mais forte, além de protegê-lo, é claro. Nossa recomendação é que coloque o roteador no meio da casa em vez das extremidades, de forma que o sinal fique bem distribuído na sua residência e não saia muito dela.

Desta forma, pessoas fora da sua casa não terão um bom acesso do sinal seu Wi-Fi, o que também dificulta qualquer tipo de invasão.

6. Crie uma senha segura de administrador da rede

Para acessar as configurações do seu roteador, sempre é necessário passar por uma página de administrador, mesmo no primeiro acesso. As informações do login geralmente estão escritas no manual do aparelho, mas quase sempre são algo como “administrador” e “senha” para facilitar o primeiro uso.

Aconselhamos que você mude isso assim que possível, senão qualquer pessoa poderá acessar esta página e, consequentemente, as configurações do seu roteador. Use um nome de usuário e uma senha bem segura e difícil de adivinhar, o que garantirá que ninguém mais consiga ter acesso.

7. Não ative acesso remoto

surface pro 4 vs macbook air

Muitos roteadores possuem um recurso de acesso remoto para que o usuário possa ver suas configurações mesmo quando não estiver em casa. Isso pode ser útil para empresas, especialmente quando um técnico de TI precisa fazer algum reparo remotamente, mas não é recomendado para uso caseiro.

Geralmente o recurso não vem ativado de fábrica, então basta não habilitá-lo quando for fazer sua configuração inicial. Desta forma, não há como outra pessoa encontrar uma maneira de mexer no seu roteador remotamente.

8. Mantenha seu roteador atualizado

Isso depende muito do tipo de roteador que você adquiriu, já que cada fabricante tem um método diferente para enviar atualizações para seus dispositivos. Também é importante escolher modelos um pouco mais novos, já que os antigos sempre tem menos chances de receber suporte por muito tempo.

Pesquise bem sobre o modelo que você possui e confira sempre que possível se há atualizações disponíveis. Desta forma, qualquer problema ou brecha de segurança deve ser corrigida rapidamente.

9. Tenha um bom firewall

Muitos roteadores possuem um firewall próprio para impedir que outras pessoas tentem invadir seu computador, mas os modelos mais antigos precisam de uma proteção extra. Felizmente, é bem simples de encontrar um bom firewall para o seu roteador, bastando pesquisar seu modelo específico  na internet.

Por mais que seja um passo a mais na configuração do seu roteador, você terá menos motivos para se preocupar no futuro. Não esqueça de procurar por atualizações do firewall de tempos em tempos também.

10. Proteja os dispositivos que usa para se conectar

surface pro 4

Por fim, recomendamos que você sempre mantenha os seus dispositivos bem protegidos. Afinal, um computador ou smartphone com vírus ou malware pode abrir uma brecha perigosa para uma possível invasão. Isso vale especialmente para os dispositivos que você sempre usa para se conectar a sua rede.

Tenha um bom antivírus em seus aparelhos e verifique com cuidados os sites que acessa ou aplicativos que baixa e instala neles. É bom perder alguns minutos com esses cuidados do que permitir que alguém tenha acesso aos seus arquivos e informações.

Gostou das dicas para proteger seu Wi-Fi?

Deu para aproveitar nossas dicas para manter sua rede Wi-Fi mais protegida e segura? Não esqueça de deixar seu comentário nos dizendo o que achou dessas sugestões e se ficou com alguma dúvida.


Seções:



Junte-se a nós na nossa área de membros!
Faça login ou registre-se e receba as novidades em primeira mão.
Guarde artigos para ler mais tarde ou acesse aos seus favoritos.

Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

1 Comentário

  1. Thamires ellen 2 de outubro de 2018 20:35

    Voce poderia me informar como me tornar uma das menbros de capa de resvista de moda por gentileza

Voltar ao topo